• Licitação nacional do Senac está de volta. Será que agora chega ao final?

    Há mais de três anos sem agência, o Senac Nacional e o o Sesc Nacional relançaram a sua concorrência de publicidade.

    Publicidade

    Como é praxe do Sistema S — que não se sujeita à lei das licitações públicas da área publicitária, a 12.232/2010 –, os órgãos deram apenas 14 dias úteis para as agências interessadas nas contas prepararem o planejamento, a proposta criativa e a documentação.

    A entrega ficou marcada para dia 17 de outubro, na sede do órgão, que fica na Barra da Tijuca, no Rio.

    Pra relembrar a história, a conta nacional do Senac e do Sesc foi conquistada na concorrência de 2019 pela agência Binder, depois de disputar com Brick, Cálix, E3, Nacional, NBS, Nova/SB, Radiola e Stylus.

    Só que o contrato sequer chegou a ser assinado. Oito meses depois de anunciar a vencedora, foi distribuída uma nota oficial cancelando todo o processo, para “reformulação do escopo do objeto”.

    Na época, a verba era de R$ 9,8 milhões. Agora, o valor global será de R$ 12 milhões, sendo R$ 6 milhões pelo Senac – Administração Nacional e R$ 6 milhões pelo Sesc – Administração Nacional.

    A documentação para a nova licitação, que levou o n° 2/2023, já está disponível na página de licitações do órgão, segundo publicação assinada no Diário Oficial da União pelo gerente de aquisição Cosme Oliveira.

    As concorrentes precisarão apresentar, como campanha especulativa, uma abordagem sobre os 80 anos de atuação do Sesc e Senac no Brasil.

    Atualização em 11/10/2023

    O Senac Nacional adiou a entrega das propostas das agências para 27/10, para permitir correções nos erros do edital original, segundo fontes da Janela.

    Publicidade

    LEIA TAMBÉM NA JANELA

    Senac procura jurados para sua licitação de publicidade, com direito a cachê (em 07/08/2023)

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, Rádio Tupi FM, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


    seta