• Em campanha da Binder, Prefeitura do Rio presta conta de obras concluídas

    “Tá Entregue. Já é do Rio”, diz o selo presente na campanha criada pela Binder para a prefeitura carioca.

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    A mensagem está amarrando as peças on e off que entraram no ar esta semana, através de comercial para TV, spots de rádio, anúncios de jornal, peças para internet e mídia exterior.

    Como explica Leandro Euzébio, diretor de criação da agência, “é sempre um desafio fazer uma campanha de entregas que não pareça igual a todas às outras. Nesta, conseguimos um jeito diferente de contar isso, como se o carioca fizesse parte dessa história, o que é uma verdade”.

    Dentro do caráter institucional, a campanha segue a linha de destacar que a atual gestão da Prefeitura do Rio está tendo que terminar obras que estavam paralisadas. “Teve uma época em que o Rio ficou abandonado”, aponta o texto do comercial em sua abertura, para contrapor que agora a cidade “vive uma outra realidade”.

    Publicidade
    Ficha Técnica:

    Agência: Binder
    Cliente: Prefeitura do Rio
    Aprovação no Cliente: Fabiano Leal
    VP de Criação: Marcos Apostolo
    Direção de Criação: Leandro Euzébio
    Criação: Camila Veloso, Alex Bittencourt e Leandro Euzébio
    Atendimento: Igor Binder, Christina Santos e Barbara Reis
    Mídia: Leandro Grisoni, Nicoli Ribeiro, Raquel Soares, Amanda Carvalho, Monica Moreno e Kamila Alves
    Head Digital: Alex Paulo
    Produção e RTV: Gabriella Cardoso e Nathália Freitas
    Produtora: Santa Transmedia
    Diretor do Filme: Olhos
    Produtora de Áudio:  Elos Estúdio
    Fotografia: Rudy Huhold

    Marcio Ehrlich

    Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, Rádio Tupi FM, TV S e TV E.

    Envie um Comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


    seta
    ×