Janela Publicitária    
 
  Publicada desde 15/07/1977.
Na Web desde 12/07/1996.
 

Janela Publicitária - Edição de 10/JUL/1998
Marcio Ehrlich

 

Esta edição da Janela Publicitária foi publicada originalmente no jornal Monitor Mercantil.
O seu conteúdo foi escaneado e transcrito para ficar à disposição de consultas pela internet.

Os Leões de filmes do Brasil
OURO
"Leds", da Young & Rubicam e Jodaf para Gradiente.
"Árvore", da Almap/BBDO e Zero Filmes para Jovem Pan
PRATA
"Embaixadas", da DW e Cinema Centro para Rehab.
BRONZE
"Orson Welles", da Fischer, Justus e Espiral para Brasilprev.
"Jimmy", da DM9DDB e Movie & Art para Espaço 21.
"Tênis", da Almap/BBDO e O2 para Pepsi.
"Chuva", da Almap/BBDO e O2 para Samsung.
"Lar", da Salles/DMB&B e Chroma para Bezerra de Menezes.

Brasil já foi campeão na França com a seleção de Nizan, Serpa e Gama.

Rio tem a sua maior delegação em toda a história de Cannes o Rio de Janeiro invadiu a Costa Azul. A Copa do Mundo incentivou muito mais publicitários do Rio participaram do Festival, ainda mais pela forte mobilização feita por Antônio Accioly, verdadeiro chefe da informal delegação carioca, que com certeza somou mais de 60 integrantes.
Aliás, o clima descontraído que os brasileiros estão dando a Paris, foi responsabilidade, em Cannes, dos publicitários do Rio. Para comprovar, aqui está apenas uma pequena parte da delegação, se preparando para assistir ao Brasil X Noruega.

Ainda repercutiu esta semana o excepcional resultado do Brasil no 45º Festival de Publicidade, que terminou em Cannes na semana passada, quando o país obteve a sua melhor performance em toda a sua história.
A DM9DDB, que conquistou o título de Agência do Ano pela soma de pontos obtidos por seus prêmios e finalistas, realizou uma grande comemoração em São Paulo e muitas das agências premiadas não pararam de publicar anúncios e distribuir releases sobre suas premiações.
Em 1998, o Brasil conquistou 35 Leões, 8 a mais que em 1997. Além dos Leões que já relatamos aqui na Janela passada, as agências brasileiras levaram, na área de Filmes, dois Ouros, uma Prata e cinco Bronzes.
O resultado brasileiro surpreendeu até mesmo o nosso jurado, Adilson Xavier, que havia noticiado para a imprensa os dois primeiros Leões de bronze obtidos na primeira etapa da votação. O Brasil acabou com oito troféus, sendo dois de Ouro. Com eles, e mais 27 comerciais no short-list, o Brasil conseguiu 61 pontos, que ano passado haviam garantido ao país o terceiro lugar no ranking de Cannes.
O GP de Cannes deste ano foi para uma campanha a favor dos praticantes de Skate, criada pela agência americana Goodby Silverstein para a onipresente Nike. Seus filmes Golf, Tênis e Corrida ganharam 20 dos 23 votos do júri. Eles mostram, num tom de documentário, um mundo imaginário no qual aqueles esportes (dos títulos) são proibidos pela polícia e execrados pela sociedade. Ao final, os filmes perguntam "Já imaginou se outros esportistas fossem tratados como tratamos os skatistas?". (N.R. 2016: Procurem no Google por "What if we treated all athletes the way we treated skateboarders?")
O comercial brasileiro em que repousavam as nossas esperanças de Grand Prix em Cannes ­ Leds, da Young & Rubicam ­ sequer entrou na disputa. Adilson Xavier explicou que, por decisão votada no júri, todos os jurados foram impedidos de indicar ou solicitar o upgrade de filmes de seu próprio país. A ausência de indicações de Leds como candidato ao GP deixou, portanto, Adilson de mãos atadas.

Gorodicht muda e expande a Fischer América no Rio

Já estão funcionando no 8º andar do moderno edifício Manhattan Tower (Rio Branco com Alfândega) as agências Fischer América e D+, comandadas pelo publicitário Marcelo Gorodicht, que faz a frente carioca do grupo de agências presidido por Eduardo Fischer.
As novas instalações já permitiram a Gorodicht ampliar sua equipe com novas contratações, entre as quais a de Paula Lagrotta (ex-V&S e Full Jazz) como diretora de unidade de negócios. Paula será responsável pelas contas do Sistema Brasil Seguridade - que entrou na agência - e mais Nova América Outlet Shopping, Ediouro e Insetisan.
Outra novidade de Fischer é a conquista, em concorrência, da campanha de liquidação de inverno que vão fazer em conjunto os shoppings Nova América e Rio Off-Price, como "shoppings outlets". Aproveitando que Daniela Winits será a capa da próxima edição de aniversário da revista Playboy, a Fischer propôs a atriz como protagonista da campanha, dizendo que "pra tirar a roupa, só por um bom motivo". Diz Gorodicht que na apresentação da concorrência a própria Daniela compareceu, apesar de não revelar se já com o figurino da campanha ou o da Playboy.
As peças da liquidação dos outlets entram no ar na segunda quinzena de julho. O filme, criado por Rosana Braen, Alexandre Motta e Marcio Dorffman, está sendo produzido pela Tec Cine, com direção de Líbero Saporetti. 

CARTAS

De Clóvis Speroni, presidente da Speroni.

"Prezado amigo Marcio Ehrlich,
Ficamos muito satisfeitos ao ver a matéria sobre o 9º Fiptur.
Agradecemos o apoio da Janela Publicitária neste momento de mudanças na Speroni. Desde a chegada do Cristóvão Martins, nosso Diretor de Criação, a agência tem buscado apresentar uma publicidade mais criativa. O resultado está começando a aparecer.
Uma prova disso é este prêmio conquistado. Sabemos que esta transformação é feita de forma gradativa e consciente, sem nenhum atropelo, dentro das nossas possibilidades. É a nova Speroni que está surgindo, crescendo pouco a pouco de maneira sólida e consistente.
Um importante parceiro nesta caminhada é a Janela Publicitária, um canal de comunicação com muita credibilidade no mercado publicitário. Esperamos contar sempre com vocês. “Obrigado por tudo."

MKTMIX   MKTMIX

PARABÉNS PRA VOCÊ - A Janela se abre para comemorar os aniversários do mercado na última semana:
Dia 04: José Carlos Alves (Diretor de Mídia da Salles DMB&B);
Dia 05: Antônio Batista (redator), Branca Lee (Supervisora de RTVC da Doctor), Thony Melo Martin (Diretor de Atendimento da Criativa Produtiva);
Dia 06: Luis Alberto Lacerda (Diretor de Criação da Senior), Marcelo Zochio (Diretor de Arte da Altermark);
Dia 07: Eduardo Martins (Diretor de Arte da F/Nazca S&S), José de Mingo (Diretor de Operações da Premium);
Dia 08: Cláudio Torres (Diretor da Conspiração);
e os dos próximos dias:
Dia 12, domingo: Flávio Gomes de Mattos (Dir. Presidente da Elan Garden), Luiz Aviz (Dir. de Expansão da Década);
Dia 13, segunda: Frida Richter (produtora de elenco), Sérgio de Paula (Diretor da Doctor e Presidente do CCRJ);
Dia 14, terça: Carlos Pedrosa (Diretor de Criação da Interativa), José Zaragoza (Vice-Presidente de Criação da DPZ), Paulo de Tarso (Diretor de Operações da Productofinal);
Dia 15, quarta: Laura Martinelli (Atendimento da Noir);
Dia 16, quinta: Orlando Lopes (VP de Mídia da Thompson);
* CONTA VAI-CONTA VEM - Foi para a V&S a conta do CEL-Centro Educacional da Lagoa, que estava na Doctor, que por sua vez passou a atender o grupo educacional Veiga de Almeida. A V&S, porém, contabiliza uma perda: a Clínica São Vicente deixou a agência e foi para a Contemporânea.
* FALSO MORALISMO - O traseiro do jogador Romário, que no Brasil foi censurado e pintado para aparecer na televisão, está sendo exibido normalmente nas televisões europeias, mesmo o craque não fazendo parte da seleção. Sem dúvida o comercial fica mais engraçado.
* OPORTUNIDADE - A L'Oréal soube aproveitar a Copa para faturar de forma inteligente. Já que a moda é as pessoas se pintarem com as cores de seus países, a empresa de cosméticos lançou kits especiais para cada torcida, com as respectivas cores. Entre colocar uma tinta desconhecida na cara ou colocar da L'Oréal, qual você preferiria?
* CARTAS - Correspondências para a Janela devem ser enviadas para a Rua Eurico Cruz, 15/2º andar, CEP 22461-200, Rio - RJ. Ou para o e-mail [email protected]