Publicidade: Alfa

Sai DPZ&T e entra Calia na conta da Presidência da República

Calia

Foi desclassificada a agência DPZ&T, que havia chegado em terceiro lugar na fase técnica da concorrência pela conta de R$ 208 milhões da Secretaria Especial de Comunicação Social (SECOM) da Casa Civil da Presidência da República, atrás da NBS e da Young & Rubicam (ver matéria da Janela).

A DPZ&T teria errado no preenchimento da proposta de preço, cujos envelopes foram abertos na última semana em Brasília. A agência informou que sua proposta teria validade de 60 dias e não os 90 exigidos pela licitação. Naturalmente, uma questão fundamental para desclassificar uma empresa, em respeito à seriedade com que sabemos que as coisas acontecem nos órgãos do governo brasileiro.

Com a saída da DPZ&T, subiu para o grupo das três vencedoras a agência Calia, que ficara em quarto lugar na pontuação técnica.

Publicidade: Dinâmica Talentos

Marcio Ehrlich

Jornalista, publicitário e ator eventual. Escreve sobre publicidade desde 15 de julho de 1977, com passagens por jornais, revistas, rádios e tvs como Tribuna da Imprensa, O Globo, Última Hora, Jornal do Commercio, Monitor Mercantil, Rádio JB, TV S e TV E.
seta